Blog

O que é Bao? O pão chinês que virou tendência no Brasil
| Curiosidades

O que é Bao? O pão chinês que virou tendência no Brasil

Você já ouviu falar do Bao? Esse é o nome em chinês de um pãozinho cozido no vapor, que pode ter diversos recheios e sabores. Ele também é chamado de Bun, em inglês, e tem uma massa super fofa e levemente adocicada. 

O Bao é um prato típico da culinária chinesa, mas que já conquistou o paladar dos brasileiros, que adoram experimentar novidades gastronômicas. 

Neste artigo, vamos contar um pouco mais sobre a origem, as características e as curiosidades desse pãozinho que virou tendência no Brasil. 

Confira!

A origem do Bao

bao pãozinhi chinês

O Bao é um pão chinês, que surgiu há mais de dois mil anos. Segundo a lenda, ele foi criado por Zhuge Liang, um famoso estrategista militar da dinastia Han, que precisava atravessar um rio com seu exército. 

Para acalmar o espírito das águas, que exigia cabeças humanas como oferenda, ele teve a ideia de fazer pães em forma de cabeça, recheados com carne de porco e vegetais, e jogá-los no rio.

Assim, ele conseguiu passar pelo rio sem sacrificar seus soldados, e ainda inventou uma nova receita.

O pãozinho se popularizou na China, e depois se espalhou por outros países asiáticos, como Taiwan, Japão, Coreia, Tailândia, Vietnã, etc. Cada região tem sua própria versão do pãozinho, com diferentes nomes, formatos, recheios e acompanhamentos.

Por exemplo, no Japão, o Bao é chamado de Nikuman, e é recheado com carne de porco moída e temperada com molho de soja, gengibre e cebolinha.

Já na Tailândia, o Bao é chamado de Salapao, e pode ter recheios doces, como pasta de feijão azuki ou creme de coco.

As características do Bao

bao em um prato com hashis

O Bao é um pão que se diferencia dos outros por sua forma de preparo e sua textura.

Ele é feito com uma massa simples, que leva apenas farinha de trigo, fermento e água. A massa é sovada até ficar lisa e elástica, e depois é dividida em porções, que são recheadas e modeladas.

Em seguida, os pãezinhos são colocados em uma panela com água fervente, e são cozidos no vapor por cerca de 15 minutos. O resultado é um pão macio, úmido e aerado, que se desfaz na boca.

O recheio mais tradicional do Bao é o de carne de porco, que pode ser moída, desfiada ou em pedaços.

A carne é temperada com molho de soja, açúcar, vinagre, alho, gengibre, anis-estrelado, canela, pimenta e outras especiarias. Outros recheios comuns são frango, camarão, cogumelo, tofu, ovo, vegetais, etc. 

O Bao pode ser servido como entrada, lanche ou prato principal, e pode ser acompanhado de molhos, como o hoisin, o agridoce, o picante, etc.

A tendência do Bao no Brasil

Trazido por imigrantes e viajantes que conheceram o pãozinho chinês, o Bao chegou ao Brasil há alguns anos. 

Ele começou a aparecer em restaurantes especializados em comida oriental, principalmente no bairro da Liberdade, em São Paulo, onde há uma grande concentração de asiáticos. Porém, logo o Bao ganhou o gosto dos brasileiros, que se encantaram com sua maciez, seu sabor e sua versatilidade.

Hoje, é possível encontrar o Bao em diversos estabelecimentos, desde food trucks até restaurantes renomados, e com diversas adaptações ao paladar nacional.

Alguns exemplos de Bao brasileiros são: 

- Bao de carne seca com queijo coalho;

- Bao de linguiça com vinagrete;

- o Bao de carne louca com queijo;

- o Bao de pernil com abacaxi;

- o Bao de costela com barbecue;

- o Bao de frango com catupiry;

- o Bao de banana com doce de leite. 

As possibilidades são infinitas, e dependem apenas da criatividade e da preferência de cada um. O Bao é um pão que combina com tudo, e que pode ser consumido a qualquer hora do dia.

Conteúdo relacionado: Tendências para o mercado de alimentos em 2024

A gastronomia asiática no Brasil

culinária oriental no Brasil

A comida asiática é rica em sabores, cores, texturas e aromas, e oferece uma variedade de pratos que agradam a todos os gostos. 

Além do Bao, outros pratos asiáticos que fazem sucesso no Brasil são: o sushi, o yakisoba, o lámen, o temaki, o guioza, o rolinho primavera, o pad thai, o curry, o kimchi, o moti, etc.

O moti, por exemplo, é um bolinho japonês feito de arroz glutinoso, que pode ter recheios doces ou salgados. Ele é cozido no vapor, e depois é moldado em forma de bola. 

Ele é consumido principalmente no Ano Novo, como símbolo de sorte e prosperidade. No Brasil, o moti pode ser encontrado em lojas e feiras de produtos orientais, e também em alguns restaurantes japoneses.

A gastronomia asiática é uma forma de conhecer e apreciar a cultura e a história de países tão diferentes e fascinantes. Ela também é uma forma de celebrar a diversidade e a mistura que caracterizam o Brasil, um país que abraça várias tradições do mundo. 

Por isso, experimente o Bao e outros pratos asiáticos, e se surpreenda com as delícias que eles podem oferecer!

Aproveite a visita ao nosso blog e confira outros artigos completos para fortalecer seu negócio e sua produção alimentícia. 

Conte com a Skymsen: conheça nossas linhas especiais!

Compartilhe

Artigos Relacionados

Alimentos Fermentados: uma opção saudável para seus clientes
| Curiosidades

Alimentos Fermentados: uma opção saudável para seus clientes

Os alimentos fermentados têm sido um pilar da alimentação humana por milênios, oferecendo não apenas uma maneira de conservar os...

Qual a melhor carne para Strogonoff?
| Curiosidades

Qual a melhor carne para Strogonoff?

O Strogonoff, um prato de origem russa que conquistou o paladar brasileiro, é uma combinação saborosa de carne em tiras com um molho...